Carpa

Carpa

Descrição

O peixe carpa é uma espécie de água fria, muito comum não só em aquários mas como também em lagos, para quem dispõe de tal. Estes peixes já são criados à milhares de anos ao longo da nossa história como desde peixe doméstico ornamental até como alimento.

Apesar de ser uma espécie em perigo de extinção na sua zona de origem (Ásia), é inclusive considerada praga noutras zonas, sendo uma das 100 mais invasivas do mundo.

Uma das variedades de carpas mais apreciadas é a Carpa Koi, cujas características mais conhecidas são os padrões que podem assumir, sendo o mais conhecido de todos o tipo vermelho e branco.

Em relação às carpas em geral, estas podem chegar até aos 60 cm e aos 4 kg, no entanto não é comum conhecer-se casos de carpas com o dobro do tamanho e cinco vezes o seu peso. Por aí, temos logo uma noção que não é o típico peixe que podemos colocar no aquário, pois requer condições muito especiais que veremos de seguida.

Podemos encontrar um corpo longo e uns bigodes perto da sua boca. As próprias escamas da carpa são grossas. O tamanho da barbatana da barriga releva o facto de serem machos ou fêmeas (sendo que a das fêmeas é maior).

Habitat

Referimo-nos a habitat pois não é exactamente um peixe que podemos ter num aquário. É possível sim, mas o aquário deve ser bastante grande e nem todos nós temos essa possibilidade. O mais próximo que encontramos é um lago no jardim se tivermos espaço para isso.

Ainda assim, é perfeitamente possível cuidar delas em aquários de tamanho normal (100 litros, por exemplo). Devemos é ter em mente que ela irá crescer e muito, independentemente da variedade que se trate, e por isso devemos estar preparados para mudá-la para algum sítio maior.

Sendo a carpa uma espécie bastante resistente, consegue aguentar temperaturas que rondam os 10 e os 25ºC, mas consegue sobreviver a temperaturas ligeiramente mais baixas ou mais altas. Não sobrevive é a menos de 4ºC durante longos períodos de tempo.

Um pH que esteja entre os 6,5 e os 9,0 está óptimo. A oxigenação da água também não é algo extremamente importante, já que a partir dos 0,3 mg/l é suficiente.

Dieta

A alimentação das carpas é à base de insectos e de plantas aquáticas, mas na verdade elas comem um pouco de tudo. Todo o tipo de alimento que quisermos dar, elas comem. Existe também ração específica para este tipo de peixes que dispõem de todos os nutrientes necessários.

Reprodução

A partir de 1 ano de idade as carpas fêmeas já começam a reproduzir. Apesar de todas as ovas que depositam (aos milhares!), podem nascer até 100 alevins. As carpas também têm por hábito comer os ovos, pelo que após o depósito deve ser afastados os pais destes.

Os machos, pelo contrário, só até aos 3 a 5 anos de idade é que atingem a maturidade sexual, e só nessa altura é que começam a fertilizar.

De 3 dias a uma semana, os ovos começam a chocar. Para que tudo isto aconteça, é necessário estarem num espaço cuja temperatura ronde os 8 e os 30 graus, e um pH bastante específico, de 7,2 a 7,4. Conseguindo estas características, a reprodução é bastante fácil.

Compártelo en tu red social:
Más en Animais - Peixes:
Aviso legal Contacto Google+ Facebook